Paulino Vergetti  Neto_escritor

Meu_Tear Literário_

Textos

Quando tudo aquiescer...


Se acaso você se entender,
diga ao meu coração que erraste
e não o beijaste como ele te quis.
Se acaso souberes onde estou,
Finge não me ver, foge também,
Vai pra bem longe de nós dois.
Mas se tudo o que te for o acaso não te for de verdade,
Haverá mil bocas te esperando
para escrever em ambos os nossos prantos,
o que nunca nos foi de verdade
um grande e verdadeiro amor...
Paulino Vergetti Neto
Enviado por Paulino Vergetti Neto em 19/11/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Paulino Vergetti Neto.(paulinovergettineto.blogspot.com/)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras