Paulino Vergetti  Neto_escritor

Meu_Tear Literário_

Textos

Espelho perverso



Apanhei uma foto tua no armário,
me olhei, abraçado a teu corpo, nela,
frente ao espelho grande do quarto
e senti ciúmes de mim.
Apaixonei-me também pelo teu fantasma
em rica demonstração de amor,
quase loucura.
Distancio-me de ti, agora, para me aproximar
de minha sanidade
e encontrar-me novamente.
O amor me entrega facilmente
em teus braços.
Eu, frágil como uma criança pequenina,
sem o afeto do mundo,
volto a clamar pelas lágrimas
para ainda saber que te amo
e que estou vivo.

Tu passas ligeira demais
frente aos meus olhos,
como se quisesse avistar-me entristecido
no desolado ato que conservo
de nunca te esquecer.
Por quê?
Resta-me quebrar o espelho e te esquecer...


Paulino Vergetti Neto
Enviado por Paulino Vergetti Neto em 09/10/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Paulino Vergetti Neto.(paulinovergettineto.blogspot.com/)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras